COVID-19

 

Uma mutação do vírus coronavírus descoberta na China no final de 2019, altamente contagiosa, se tornou em 2020 a maior pandemia de todos os tempos, a Covid-19.

 

O nome Covid-19 foi dado à doença por ela ter sido descoberta em 2019. 

 

Eu pouco tempo, os vírus se disseminou pelo mundo inteiro, e embora a taxa de letalidade não seja grande, a alta taxa de contaminação causou rapidamente milhões de mortes.

 

O vírus que causa a COVID-19 é transmitido principalmente por meio de gotículas geradas quando uma pessoa infectada tosse, espirra ou exala. Essas gotículas são muito pesadas para permanecerem no ar e são rapidamente depositadas em pisos ou superfícies.


Você pode ser infectado ao inalar o vírus se estiver próximo de alguém que tenha COVID-19 ou ao tocar em uma superfície contaminada e, em seguida, passar as mãos nos olhos, no nariz ou na boca.

 

Surgiram conspirações afirmando que o coronavírus seria um vírus criado ou geneticamente modificado pelos chineses.  Entretanto, as análises científicas descartaram essa hipótese.

 

9 de janeiro 2020, é registrada a primeira morte por covid-19, na China.

 

A primeira morte por covid-19 no Brasil foi registrada em 12 de março de 2020, e, em 8 de agosto, menos de cinco meses, o país atingiu mais de cem mil mortos.

 

15 de abril, divulgada uma análise a profusão de desinformação sobre o vírus disseminara mormente por apoiadores do presidente.

 

18 de abril, o uso de máscara passa a ser obrigatório em Minas Gerais.

 

6 de agosto, pela primeira vez, que um dos indicadores considerados no monitoramento do coronavírus sinaliza queda na curva da pandemia em Minas Gerais, e o mês terminou em sensível queda do contágio.

 

11 de agosto de 2020, Rússia anuncia primeira vacina contra a covid-19. Decisão é questionada e OMS pede cumprimento de protocolos.

 

19/08/2020 - Pela 1ª vez desde abril, Brasil apresenta contágio de coronavírus em desaceleração;

 

Diretor da OMS acredita que a pandemia poderá ser superada em menos de 2 anos.
 

Em setembro, constata-se que o ISOLAMENTO está sendo ABANDONADO.

 

27 de novembro de 2020,  Governo corta verba para 3.400 centros de atendimento à covid.

 

5 de dezembro de 2020 A Rússia é o primeiro país a começar a vacinação em massa.

 

Gasto com a vacina é o menor decorrente da pandemia.

 

17 de dezembro de 2020, STF decide pela obrigatoriedade da vacinação.

 

21 de dezembro de 2020, Instituto Butantan anuncia soro desenvolvido para combater a doença.

 

31 de dezembro, devido à pandemia, não ocorre a tradicional Corrida de São Silvestre.

 

5 de janeiro/2021, Bolsonaro ataca a mídia acusando-a de ter potencializado o vírus.

 

17 de janeiro/2021, Começa a vacinação em São Paulo.

 

18 de janeiro/2021, Começa a Vacinação em Minas Gerais.  E no dia seguinte começa em cidades do interior.

 

21 de janeiro/2021, Chega ao Brasil lote de dois milhões de doses da vacina desenvolvida em parceria entre a AstraZeneca e a Universidade de Oxford.

 

28 de janeiro/2021, Governo federal define o plano de vacinação entre os grupos prioritários.

 

21 de janeiro/2021, artigo aponta o que funciona e o que não funciona no tratamento da covid-19.

 

1º de fevereiro de 2021, Reabertos em Belo Horizonte o comércio e serviços não essenciais, que se encontravam fechados em razão da pandemia;

 

10 de marco, 2021, antes de completar um ano da primeira morte, o Brasil ultrapassa 2000 mortos em um dia.

 

12 de março, 2021, Brasil tem os piores indicadores de covid-19.

 

23 de março, 2021, Pedido de Bolsonaro contra decretos de isolamento emitidos por governadores é rejeitado por ministro do STF;

 

24 de março, 2021, Unicamp confirma caso de hepatite medicamentosa relacionada ao 'kit covid';

 

7 de abril, 2021, Câmara aprova projeto que permite que empresas comprem vacinas;

 

18 de abril, 2021, Festa rave com 350 pessoas é encerrada pela PM em Ribeirão das Neves, na Grande BH;

 

29 de abril, 2021, Brasil alcançou 400 mil mortes por Covid-19;

 

Ver COMO SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS

 

..

.